PF prende ex-presidente do TJ-BA em investigação sobre venda de sentenças

0
25
Imprimir página
A Polícia Federal prendeu, nesta sexta-feira (29/11), a desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Ela é suspeita de participar de um esquema de venda de sentenças. O encarceramento foi determinado pelo ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça.

Og Fernandes atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), e de acordo com a PF, “as medidas têm o objetivo de recolher novas provas de um esquema criminoso envolvendo desembargadores” da corte baiana. As ações fazem parte de uma nova etapa da Operação Faroeste, deflagrada em 19 de novembro para apurar suspeitas de crimes como corrupção ativa, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Além da prisão, são cumpridos três mandados de busca e apreensão em Salvador.

A Polícia Federal informou que “as investigações em curso revelaram a existência de um esquema de venda de decisões judiciais que tinha o propósito legitimar a venda de terras na região oeste do estado”. O esquema criminoso envolve uma área de 800 mil hectares de terra, região maior que a capital do estado.

A desembargadora Maria do Socorro, detida nesta fase, tinha sido fastada do cargo há dez dias, também por decisão judicial, pois estaria, de acordo com o Ministério Público Federal (MPF), “destruindo provas e descumprindo a ordem de não manter contato com funcionários”.

Em nota, o TJ da Bahia informou que “adota todas as medidas cabíveis para colaborar com a investigação, sempre respeitando o “Princípio do Contraditório” que preserva a proteção ao direito de defesa, de natureza constitucional”. Ainda de acordo com a Corte, “o Presidente do TJBA em exercício, Desembargador Augusto de Lima Bispo, o importante é que a verdade prevaleça e a paz possa voltar a fazer parte desta família composta por quase 8 mil servidores, 595 juízes e 60 desembargadores que trabalham com presteza, lisura e dedicação ao Poder Judiciário”.

Fonte: CorreioBraziliense

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here