Preso homem que tentou comprar sexo com menor via WhatsApp

0
106
Imprimir página
Fernando C. N., de 37 anos, foi preso em flagrante por Policiais da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) na tarde de quarta-feira (10), acusado de oferecer dinheiro para uma adolescente de 16 anos em troca de relações sexuais. O contato com a vítima acontecia através de mensagens via whatsapp. As delegadas Janaina Xander e Adrian Viero da Costa suspeitam que existem outras vítimas do homem.

A delegada Janaina Xander, explica que a partir do momento que a pessoa oferece dinheiro em troca de relação sexual com menores já é considerado crime. “Se alguma vítima está recebendo mensagens insistentes de pessoas oferecendo dinheiro para manter relação sexual, que manda vídeo pornográfico, manda vídeo mostrando dinheiro, ela precisa procurar a DPCA para registrar uma ocorrência que tudo será investigado”, orientou a delegada.

De acordo com a Polícia, o acusado passou a mandar mensagens para a adolescente oferecendo dinheiro em troca de sexo. A menina ficou com medo, informou o pai, que imediatamente registrou uma ocorrência. Os policiais iniciaram as investigações e na tarde de quarta-feira Fernando marcou um encontro com a vítima e foi preso em flagrante no momento em que ele aguardava a vítima.

Nas mensagens enviadas para a vítima, Fernando afirmava que tinha dinheiro e dizia que queria manter relações sexuais com a adolescente. O criminoso também agia a procura de vítimas nas proximidades das escolas públicas da Zona Sul.

Durante as investigações, a polícia constatou uma ocorrência na DPCA contra um homem que agia da mesma forma. “Na ocorrência, a vítima passou as mesmas características da forma que ele agiu, e era o mesmo modus operandi que o acusado usou para aliciar a adolescente de 16 anos, usando o mesmo número de telefone. Nós vamos investigar para saber se é o mesmo acusado”, disse a delegada Adrian Viero da Costa.

O aparelho celular de Fernando está apreendido e será solicitada da Justiça a autorização para quebra do sigilo, já que o homem não quis colaborar com a Polícia, não autorizando ninguém manusear o aparelho.

Se alguma adolescente estiver recebendo ou recebeu mensagens de uma pessoa oferecendo dinheiro em troca de sexo, ela pode fazer a denúncia ligando no 197 da Polícia Civil. “Todas as denúncias serão apuradas e tudo que tiver que ser feito pela Polícia nós vamos fazer para não deixar o crime impune. Os pais precisam levar a sério os relatos dos filhos”, finalizou a delegada Adrian Vieiro da Costa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here