Exposição ‘Entre a natureza e o artifício’ conta com mais de 70 obras em Porto Velho

0
48
Imprimir página

A exposição do arquiteto Mauricio Valladares percorre rios amazônicos, a selva de pedra paulista e a realidade carioca. “Entre a natureza e o artifício” fica em exibição de 17 de maio a 10 de junho, na Casa da Cultura Ivan Marrocos, em Porto Velho. A entrada é gratuita.

Para Margot Paiva, responsável pela curadoria, a exposição é um trajeto quilométrico e sinuoso, que nasce no diálogo das linhas arquitetônicas e desemboca nos rios do norte.

As obras e a instalação formam uma estrutura narrativa do urbano até as folhagens. Alguns quadros são muito urbanos, outros muito naturais, mas alguns chegam em uma síntese, que é o título da exposição.

"Entre a natureza e o artifício" conta com 20 pinturas e mais de 50 fotografias.  — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

“Entre a natureza e o artifício” conta com 20 pinturas e mais de 50 fotografias. — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

“Mesmo quando eu estou trabalhando como artista visual a arquitetura está sempre ali presente. A instalação é permeada por essas linhas que hora são retas, de repente tem uma torcida mais orgânica e isso é algo que vem desde o meu mestrado, onde eu estudei a Amazônia sob o ponto de vista da ideia de natureza e como isso reflete em projetos urbanos”, explica Mauricio Valladares.

A ideia central da exposição é mesclar o natural e o artificial. O autor enxerga a urbe como espaço possível e legítimo de diálogo e convívio, entre artifícios naturais e naturezas artificializadas.

“A maioria das fotografias são do Rio de Janeiro que é minha cidade natal, embora eu tenha sido criado aqui [Porto Velho], e de São Paulo que é uma paixão. A Amazônia entra e se mescla nesses ambientes. Essa Amazônia [dos quadros] começou a surgir de uma maneira entrelaçada com essas arquiteturas”, comenta o artista.

Obra "Sono" da exposição "Entre a natureza e o artifício"  — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

Obra “Sono” da exposição “Entre a natureza e o artifício” — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

Mauricio usou técnicas de aquarelado, spray e folheação a ouro nas 20 pinturas expostas. Já as mais de 50 fotografias são frutos das viagens de Mauricio desde 2015.

“Quando eu estava lendo a proposta do artista achei que ele ia fazer dentro das obras essa mistura entre o urbano e a natureza, mas ele foi fazendo, na verdade, entre as sessões das obras. Me chamou bastante atenção, me agradou bastante”, disse o visitante Diogo Hartmann.

"Entre a natureza e o artifício" foi projetada por Mauricio Valladares  — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

“Entre a natureza e o artifício” foi projetada por Mauricio Valladares — Foto: Ana Kézia Gomes/G1

Programe-se

– Entre a natureza e o artifício
Em exibição de 17 de maio a 10 de junho de 2019
Local: Casa da Cultura Ivan Marrocos (Av. Carlos Gomes, 563)
Horário: De segunda a sexta das 8h às 17h30 e das 9h às 14h aos sábados
Entrada: Gratuita

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here