Alerta – O caminho para o Genus não repetir o ano de 2018

0
820
Imprimir página
Genus já jogou 2 vezes em 2019 pelo rondoniense e perdeu os 2 jogos

Em 2018, o Genus deixou sua torcida de cabelo em pé, pela má campanha que o clube fez, perdendo quase todos os seus clássicos. Para este ano, o Genus trouxe alguns nomes questionáveis, que não é o caso do meia Juninho, que foi um dos poucos destaques, o meia tem passagem pelo Avaí.

“Acho que não é muito difícil enxergarmos e avaliar o que nos prejudicou ano passado, para que não nos prejudique novamente esse ano. Mas começando principalmente por ter os pés no chão e muito trabalho, já é o suficiente pra uma boa preparação para que chegue na hora das partidas e o resultado comece a vir.” disse Juninho, sobre as maneiras de impedir os resultados ruins de 2018.

O meia, após o término do campeonato Rondoniense, voltou ao Avaí, mas voltou à ser procurado pelo Genus, em 2019, para vir com o peso de o grande jogador do elenco, e Juninho falou sobre tal peso.

“Cara, eu levo isso com muita humildade e pés no chão também, não deixo isso subir pra cabeça, até porque somos 11 jogando, mais as opções no banco e não faço nada sem meus companheiros, mas é muito bom ter esse reconhecimento!”

O Genus viaja até Guajará para enfrentar a equipe do Guajará no próximo domingo, dia 24/02, se o Genus vencer sua partida e a equipe do Rondoniense perder a sua, a equipe aurigrená não só larga a lanterna do grupo A, como também vai assumir a 3ª colocação do grupo. O Rondoniense enfrenta o líder 100%, Porto Velho Esporte Clube na capital.

 

Fonte: Matheus Gama

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here